domingo, 17 de maio de 2015

Como é acabar a escola ? Primeiras impressões no cursinho


Hoje o post é diferente, onde eu conto como foi acabar a escola, me separar dos amigos, como é o cursinho, e o que pode ou não fazer dentro de uma sala de cursinho.

Finalmente acabei a escola e passei pra faculdade, ou não né, eu irei fazer cursinho, mesmo tendo sido aprovada em uma faculdade, mas como eu não me decidi ainda se quero tal curso ou não, resolvi fazer cursinho pra deixar de ser confusa.

Cursinho é completamente diferente de escola, lá os professores "não estão nem ai" para você, você faz o que quiser, pode dormir, ouvir música, copiar as coisas, fazer textos, tudo, mas não pode atrapalhar os outros, afinal todo mundo está lá pois quer estudar.

Como os professores falam muito rápido, e anotam muita coisa no quadro, eu resolvi fazer uma coisa diferente na hora de estudar, mas o que eu fiz de diferente, estou com um caderno "rascunho" onde levo para o cursinho o caderno e uma caneta, e anoto TUDO, tudo o que eu acho importante, e na hora que chego em casa passo tudo desse caderno para um outro, o caderno "estudo", ai passo com caneta colorida, direitinho, com uma letra melhorzinha, bem certinho pra ficar fácil na hora de estudar.

Ainda é a segunda semana do cursinho, o meu começou mais cedo, ou seja, agora no mês de fevereiro, onde eles fazem o mês todo o Programa Maximize Enem, que foca nos assuntos principais de cada matéria para o Enem, que talvez seja o "vestibular" mais concorrido, pois dá acesso a várias faculdades particulares, e o melhor, dá para usar com a ajuda do SISU para ingressar em alguma faculdade federal, não pagando nada.

Já no mês de março, começa mesmo o cursinho, ou seja, o extensivo, onde é dada toda a matéria dos três anos do ensino médio, assim, sem dó, até o dia dos vestibulares mais importantes, ENEM, FUVEST, UNICAMP, UNESP, entre outros. 

Dizem lá no meu cursinho que nós que estamos lá somos "privilegiados" pois temos um mês a mais do que os outros, onde a grande maioria dos cursinhos começam em março e nós começamos em fevereiro. Isso é sim muito bom, pois ajuda bastante a memorizar a matéria, rever algumas coisas, e também aprender a matéria e ir com ela mais "fresca" para o intensivo.

Engana-se quem pensa que cursinho é light, que nada minha gente, é mais pegado que escola, uma sala de mais ou menos 150 alunos, onde provavelmente você não conhece ninguém, um quadro que vai do teto ao chão, e na maioria das vezes ele é TODO ocupado de matéria (haja caneta), tem que ter uma responsa animal pra conseguir não se distrair com a primeira mosca que aparecer na sua frente.

Lá não tem que pedir pra ir no banheiro, você pode entrar e sair a hora que quiser, pode ficar quanto tempo quiser fora da sala de aula, ouvir música, ficar navegando no celular,dormir, pode TUDO, menos atrapalhar os outros né. Mas uma dose de bom senso é sempre bom, você não vai chegar na sala falando "oi" pra todo mundo, além de ser chato atrapalha muito a aula e o raciocínio do professor, não precisa avisar que vai sair, mas pedir licença é sempre bom né, respeito todo mundo tem e gosta que o outro tenha.

Acho que a pior parte é se separar dos amigos da escola, um lugar onde você passou a maior parte da vida com eles, vai pra um lugar totalmente diferente do que estava acostumado, mas uma hora ou outra isso ia acontecer, você querendo ou não, e não sei se é tão difícil fazer amigos lá, mas as pessoas com certeza são bem diferentes de você, e isso é um fato, mas nada que o tempo não ajude na amizade né.

A melhor parte sem dúvida são os professores bem mais liberais que os da escola, eles adaptam a matéria para nós, a fala fica mais simples na hora de explicar, sempre rola uma piada, uma música, algo que não aconteceria na escola. Tenho professores super malucos, mas isso faz a aula passar mais rápido, ser menos massante, mesmo que tenha muita coisa para ver.

Escrevi muito, mas isso é uma coisa que eu gosto, mas quis explicar bastante coisa também, e contar meio que minha primeira impressão nessa troca de escola para cursinho.

Uma dica, se você está para acabar a escola, mas não decidiu o que fazer na faculdade, não perca um ano sem estudar, mesmo que ache chato vá para o cursinho, vai ajudar muito.